5 benefícios de se ter um diário

Todo mundo tem um segredo, um sentimento só seu ou um pensamento que martela na cabeça e não sai. Às vezes não sabemos bem como e para quem falar…

Ter um diário pode solucionar aflições como essas e trazer melhorias para sua rotina, além de ajudar no autoconhecimento. Quer ver?

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

5 livros infantis para passar o tempo em família

“Ler faz muito bem!”

Já estamos mais que acostumados a ouvir essa frase, não é mesmo?

Mas você sabia que o ato de ler também reduz o stress, ajuda a dormir, desenvolve a criatividade e favorece a memorização? Qualidades ótimas para o aprendizado e o progresso escolar.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, o gosto pela leitura não é um dom que só alguns têm. Ler é um hábito que adquirimos e vamos melhorando. Assim como fazer exercícios físicos, se alimentar de forma saudável ou dormir de modo regular.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

O que não dizer para uma pessoa com câncer

Mesmo com os esforços das instituições em saúde oncológica para desmistificar o câncer, infelizmente, seu diagnóstico é uma realidade delicada para grande parte das pessoas.

Quando me aproximei das famílias dos projetos apoiados pelo Instituto Ronald McDonald, fui me familiarizando, mas muitas vezes as palavras me fugiam ao tentar dar algum apoio. Nestas horas, nem mesmo a maternidade me parecia uma boa ferramenta de diálogo.

Na ânsia por apoiar quem gostamos, dizemos coisas que reforçam pensamentos prejudiciais. Isso não significa que somos ruins e devemos nos afastar.

As rotinas de casas de apoio que fazem parte da rede beneficiada pelo Instituto, assim como as Casas Ronald McDonald não deixam dúvida sobre o poder curativo da presença de pessoas queridas na rotina de quem enfrenta a doença.

Porém, refletindo sobre essa fragilidade, resolvi deixar aqui 5 dicas que aprendi nestes últimos meses ouvindo frases ditas na melhor das intenções:

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Passo a passo: como solicitar ajuda contra o câncer infantojuvenil

Todos os dias os jornais estampam as precariedades do sistema de saúde. Enquanto isso, nós torcemos e desejamos saúde para quem amamos. Pedindo todos os dias para não sermos os próximos a precisar de cuidados.

Mas, e quando acontece? Quando nossos pais, irmãos ou amigos passam por isso? Ou, o que é ainda mais doloroso: nossos filhos?

Todas aquelas hipotéticas vezes que pensamos sobre a possibilidade, torna-se real. E uma enxurrada de perguntas inunda nosso imaginário.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Colorindo a autoestima

Me lembro da gravidez do meu primeiro filho. Quando olhava para aquele barrigão e pensava: será que vou conseguir ser uma boa mãe?

Não nascemos com a maternidade, vamos aprendendo e quando vê, já foi! 

Passamos a ser as primeiras que se levantam da cama, e as últimas que se deitam.

Aos poucos, aqueles dias dedicados a hidratar os cabelos, fazer as unhas e se maquiar tornam-se eventos espremidos entre uma natação e um curso de inglês, o colégio e o mercado.

A gente acaba esquecendo como é importante se sentir bonita e bem cuidada.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Hoje, Heloísa tem muitos motivos para comemorar!

Nem sei por onde começar a falar de Heloísa. Ela é tão delicada e tão forte ao mesmo tempo!

Eu sempre soube que nós, adultos, aprendemos com os mais novos tanto quanto eles aprendem com a gente (quem sabe, até mais). Mesmo assim, fiquei surpresa com o quanto Heloísa conseguiu me ensinar sobre força de vontade e resiliência.

Em maio do ano passado, aos 14 anos, Heloísa foi diagnosticada com Linfoma de Hodgkin…
Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Quanta coragem na história de Ariadne e Millene

Eu sempre fui muito organizada. Gosto de planejar minha rotina nos mínimos detalhes. Mas preciso reconhecer que em alguns momentos a vida me deu umas boas sacudidas.

Desta vez, minha singela experiência relacionada ao trabalho do Instituto Ronald McDonald vai contar a história de mãe e filha. Elas também tiveram que driblar uma tremenda mudança de planos.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Deposite amor nos Cofrinhos do Instituto Ronald McDonald

Todas as vezes que estou arrumando a casa vou catando as moedinhas que deixamos espalhadas. Elas são ótimas, completam o dinheiro da feira, do ônibus, da padaria…

Meus filhos também ficam de olho nelas. Cada um tem uma caixinha para guardar o seu dinheiro. Juntamos durante o ano todo e em dezembro descobrimos o quanto conseguimos poupar.

No dia a dia nem percebemos, mas com o pouquinho que depositamos lá toda semana já conseguimos realizar vários desejos.    

Este ano, nossa rotina mudou muito com tudo que aprendemos no Instituto Ronald McDonald.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Natal: confraternizando esperança nas Casas Ronald McDonald

Aprendi a amar o Natal desde muito pequena. Minha mãe costumava decorar a casa inteira e sempre nos falava sobre a importância de agradecer por tudo que conquistamos. O Ano Novo dedicávamos à renovação do amor.

Hoje em dia, tenho feito um esforço imenso para mostrar aos meus filhos o verdadeiro sentido do Natal.

É uma missão materna (e paterna) ensinar a amar o próximo e celebrar as felicidades mais simples. E nessa responsabilidade o Instituto Ronald McDonald tem sido um verdadeiro aliado.

Aprendemos muito convivendo com os jovens guerreiros que tão cedo enfrentam um desafio de gente grande.

Dessa vez acompanhamos a produção do Natal na Casa Ronald McDonald. Me senti naqueles dezembros que vivi com minha mãe. Em cada cantinho o carinho e o capricho.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Autoestima: quando cuidar de você é cuidar também dos outros

Nós, mães, temos um problema sério, reconheço: Estamos sempre colocando nossos filhos sobre tudo e todos, pois eles são a maior expressão do nosso amor incondicional.

Porém, em muitos momentos por mais dedicação, amor e disponibilidade que tenhamos, precisamos pensar que nós também devemos ter nosso espaço, nossos momentos e temos que nos amar. Mas quem disse que esse equilíbrio seria fácil na maternidade? Quem disse que a maternidade é fácil?

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar: