O coletivo faz a força

Um dia desses estava com várias coisas pra resolver, parecia que não ia dar conta de tudo aquilo, e foi quando pensei comigo mesmo: a vida não foi feita pra ser vivida sozinha.

Estamos sempre precisando da ajuda do outro, da opinião de um amigo, do carinho de um familiar. Vivemos em um coletivo e às vezes esquecemos disso.

Quando visitei a Casa Ronald McDonald para realizar um trabalho voluntário, quis saber um pouco mais do dia a dia do voluntariado, do que as crianças e familiares mais precisavam, e percebi uma coisa muito interessante sobre esse lance de coletividade, sabe?

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Parceria que transformou Antônio num rapazinho forte

Ao investir no Terceiro Setor, é imprescindível observar de perto a aplicabilidade dos recursos envolvidos, ou seja, se o apoio oferecido por nossas empresas a determinada instituição chega a quem deve chegar.

Como empreendedor, defendo que, caso não façamos esse acompanhamento criterioso, corremos o risco de comprometer tanto nossos caixas quanto nossa efetiva contribuição para a sociedade, para o qual credibilidade e transparência são peças-chave de sucesso.

Pelo menos foi a partir desse olhar que escolhemos o Instituto Ronald McDonald como parceiro. Desde o começo, observamos seu comprometimento com processos de auditoria e balanços sociais referentes a seus programas e projetos.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Autoestima: quando cuidar de você é cuidar também dos outros

Nós, mães, temos um problema sério, reconheço: Estamos sempre colocando nossos filhos sobre tudo e todos, pois eles são a maior expressão do nosso amor incondicional.

Porém, em muitos momentos por mais dedicação, amor e disponibilidade que tenhamos, precisamos pensar que nós também devemos ter nosso espaço, nossos momentos e temos que nos amar. Mas quem disse que esse equilíbrio seria fácil na maternidade? Quem disse que a maternidade é fácil?

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Voluntário: compartilhe esse Natal de esperança

No meu dia a dia como mãe e como profissional eu acredito muito no potencial do reconhecimento. Porque todas as vezes que valorizamos o esforço de alguém nós lhe damos motivação para continuar e melhorar.

E nesta semana, temos uma data muito importante para isso: o Dia Internacional do Voluntário.

No dia 05 de dezembro, o mundo todo celebrou a incrível dedicação de quem reserva tempo e carinho ao próximo.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Programa Atenção Integral: um trabalho consistente

Trabalhar de forma consistente, com coerência, organização e responsabilidade social deveria ser meta diária em empresas públicas e privadas de grande, médio e pequeno porte.

Nesse contexto tão familiar, observar de perto o funcionamento do Terceiro Setor é “uma boa pedida” para os gestores que buscam inspiração em suas decisões.

Foi algo que funcionou comigo, quando fui apresentado ao Programa Atenção Integral, do Instituto Ronald McDonald.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Black Friday do bem: esbanjando solidariedade

Estava lendo os e-mails de promoção da Black Friday e fiquei me perguntando: porque a gente está sempre gastando dinheiro com as mesmas coisas? São sapatos, roupas, perfumes, eletrônicos….

Não estou dizendo que comprar é ruim. Afinal, todo mundo sabe como é bom ter um celular novo que não trava.

Só acho que, às vezes, podemos ser mais criativos na hora de consumir nosso dinheiro.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Pequeno grande Everton, o menino que luta contra o câncer

Semana passada eu acordei com o maior incômodo no olho. Lavei bem meu rosto no banho, joguei um colírio e fui trabalhar. ‘Não há de ser nada demais’, imaginei. 

Na manhã seguinte, o olho estava não só incomodando, mas bem vermelho. ‘Que baita cisco esse deve ter sido’, eu pensava, enquanto combinava uma compressa, mais colírio, e um óculos para disfarçar. 

Quando acordei no terceiro dia, já mal conseguia abri-lo totalmente. Só então decidi ir ao médico, e descobri que o baita cisco era, na verdade, uma baita conjuntivite. 

Longe de mim fazer qualquer tipo de comparação entre a gravidade dessas doenças, mas ao sair do oftalmologista, me lembrei imediatamente do Everton, um menino cuja mãe eu conheci uma vez, durante um dia de voluntariado numa casa de apoio.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Beneficente em todos os sentidos

No mundo dos negócios, um jantar especial pode ser a oportunidade perfeita para decisões estratégicas – isso não é de hoje, muito menos se restringe a quem lidera uma empresa privada.

Gerações e gerações de empresários, executivos entre outros profissionais têm a mesa – e umas boas taças de vinho – como aliadas de seus empreendimentos.

É por isso que os jantares beneficentes organizados por instituições sérias do Terceiro Setor são triplamente interessantes.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

A doçura da esperança

Neste post, minha mensagem é objetiva. Tão objetiva quanto a clássica listinha de mercado. No lugar dos ingredientes, enumero sentimentos; conceitos que, segundo minhas observações de mãe e voluntária, guiam as famílias na luta pela cura do câncer de suas crianças e adolescentes.

Diria que elas consultam essa lista com atenção, todos os dias, antes de sair de casa; é impressionante como quem enfrenta essa doença não se esquece de nada:

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar:

Benefícios fiscais de se adotar instituições com foco em saúde

Trabalho com comunicação institucional faz alguns bons anos e, em minha trajetória, não tinha visto período mais fértil para inovar na empresa como o que vivemos agora, principalmente quanto a parcerias.

A partir do momento que compreendi a potência do Marketing Social nesse novo contexto, logo comecei a estudar como viabilizar, do ponto de vista financeiro, o apoio ao Instituto Ronald McDonald – organização que minha equipe e eu escolhemos adotar, cuja causa e atuação estavam bem alinhadas aos nossos valores e propósitos.

Nessa sucessão de pesquisa, descobri que além de contribuir para uma causa em que acreditamos, ainda podemos aproveitar dos benefícios fiscais para empresas que apoiam causas sociais.

Leia mais →
Comentários: 0 / Compartilhar: