Trabalhando por uma causa: o amor.

Trabalhando por uma causa: o amor.

Tenho constatado cada vez mais a relevância de unir nossa carreira em benefício das causas sociais.

No mundo do trabalho nunca estamos sozinhos. Produzimos diariamente ao lado de dezenas de pessoas de diversas personalidades.

Cada uma tem um jeito diferente de lidar com as atividades propostas. Mas esta troca de conhecimento é uma rica via de mão dupla. Sempre temos alguma coisa para absorver e algo para ensinar.

Foi observando os esforços dos colaboradores do Instituto Ronald McDonald que me veio a ideia deste texto.

Cozinheira do Amor

A tarefa da Sueli Matias de Souza, cozinheira na Casa Ronald McDonald  do Rio de Janeiro, despertou minha atenção. Uma alimentação saudável faz toda a diferença para o tratamento de pacientes com câncer. É preciso um cuidado atencioso com o preparo dos alimentos. As crianças seguem uma dieta equilibrada e rica em nutrientes. Por isso, a responsabilidade de Sueli, e de toda a equipe da cozinha, é imensa. Todos os dias o mesmo desafio: estimular a criançada a comer bem.

É uma alegria quando uma das crianças hospedadas na Casa volta feliz para contar que comeu toda a comida do prato. Vale muito a pena, é a uma sensação incrível de dever cumprido.”

Sueli me contou que, após começar a trabalhar com as famílias da Casa Ronald, sua vida mudou. Ela passou a acreditar no seu potencial, e compreendeu o sentido do que faz todos os dias. Agora, dá muito mais valor a tudo o que tem.

A proatividade em fazer a rotina um constante aprendizado é uma característica dos que se dedicam. É íntegro daqueles atentos ao redor, que fazem do cotidiano uma oportunidade.

Essa convivência com uma realidade distante nos ensina a refletir. Motiva a sair da caixinha e explorar a criatividade. Além disso passamos a conhecer outras pessoas, e, conhecendo outras pessoas, multiplicamos nosso networking. No final, somamos uma enorme bagagem cultural e emocional ao nosso currículo. É um processo muito gratificante e influente para a formação profissional.

O dia a dia dentro de uma instituição de apoio social, como a Casa Ronald McDonald, desperta em nós uma confiança no potencial da humanidade. É motivador ver a dedicação da equipe para tornar a rotina de luta daquelas crianças um pouco mais tranquila. Por fim, o ideal é procurarmos iniciativas que estejam alinhadas aos nossos valores. Assim, fortalecemos uma rede de afeto e aprendizado. Relação perfeita para o desenvolvimento da sociedade e do mercado de trabalho.

Você pode gostar também de …

Publicar comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com um * são obrigatórios.