Avaliação nutricional deve ser feita no diagnóstico do câncer

Publicado 31 de março de 2017 em

Em 31 de março é datado o Dia da Saúde e Nutrição, de acordo com o calendário do Ministério da Saúde. Em referência a data, a Sociedade Brasileira de Oncologia Pediátrica (SOBOPE), ressalta a importância da alimentação saudável e nutritiva durante o período de tratamento contra o câncer infantil. “A avaliação nutricional no momento do diagnóstico é fundamental para identificar a prática alimentar das crianças e adolescentes”, afirma a nutricionista e membro da SOBOPE, Priscila Maia Lemos.

A nutricionista explica que uma alimentação saudável tem um papel importante na manutenção do estado nutricional e metabólico do paciente. “A boa alimentação é essencial para prevenir/minimizar as complicações clínicas e metabólicas, além disso, auxilia o paciente em ter uma qualidade de vida melhor”, afirma.

“A nutrição possui inúmeros desafios durante o tratamento para garantir o crescimento e desenvolvimento dentro do padrão de normalidade. Por isso não é complicado rotular os alimentos como bons ou ruins, pois algumas vezes o paciente não consegue ingerir a alimentação saudável principalmente por causa dos sintomas do trato gastrointestinal”, lembra a nutricionista. Priscila afirma que nesse momento é preciso respeitar a condição clínica do paciente que resulta também na mudança das preferências alimentares.

Priscila conclui ainda que essas indicações alertam para que pais e profissionais não forcem as crianças a comerem, principalmente quando estiverem com reações do tratamento de quimioterapia. Respeitar a vontade e tempo das crianças e adolescentes nesses casos é mais adequado do que oferecer ou forçar um alimento que poderá provocar efeitos colaterais e aversão alimentar.

*Com informações do Jornal Dia a Dia.


Instituições cadastradas no Instituto Ronald McDonald