Instituto Ronald McDonald completa 17 anos de combate ao câncer infantil e juvenil

Publicado 7 de abril de 2016 em

Aniversário será celebrado na próxima sexta-feira, dia 8 de abril

Há 17 anos nascia o Instituto Ronald McDonald. Após perder o filho caçula para o câncer, a família Neves tomou para si a missão de promover a saúde e a qualidade de vida para crianças e familiares que enfrentam a doença e o tratamento longo e doloroso. Na década de 90 não havia no Brasil tratamento adequado para o tipo de câncer que acometeu Marquinhos, filho mais novo de Chico e Sonia Neves.

Após campanha para arrecadação de fundos, eles foram para os Estados Unidos em busca do tratamento e da última chance de cura que havia para o filho. Lá, ficaram hospedados em uma Casa Ronald McDonald, “uma casa longe de casa”. A hospitalidade, o acolhimento e a estrutura, fizeram com que aqueles dias difíceis fossem encarados de maneira mais leve e otimista.

Ao retornarem para o Brasil, infelizmente Marquinhos não resistiu à doença, tomaram a decisão de não deixar que a perda do filho fosse em vão e no dia 8 de abril de 1990 nasceu o Instituto Ronald McDonald.

A atuação do Instituto vem contribuindo com a luta contra o câncer infantojuvenil, que é a primeira causa de morte por doença na faixa etária de 5 a 19 anos, segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA).

Os programas apoiados pelo Instituto Ronald McDonald proporcionam anualmente cerca de 60 mil atendimentos a crianças adolescentes e seus familiares. Com isso, a instituição tem reforçado seu compromisso para aumentar as chances de cura da doença. “ A principal arma contra o câncer é a informação e é por isso que temos investido no programa Diagnóstico Precoce, o programa consiste em qualificar agentes e profissionais da saúde para que fiquem atentos aos sintomas que não desaparecem quando tratados, levantando assim, a suspeita para que possam realizar exames adequados e identificar a verdadeira causa, que pode ser algum tipo de câncer.” – afirma Francisco Neves – superintendente do Instituto Ronald McDonald. “Quando a doença é diagnosticada ainda no estágio inicial as chances de cura podem chegar a 80%.” – finaliza.

Ao longo do ano de 2015, 61 instituições de todo o país receberam recursos do Instituto Ronald McDonald para desenvolver importantes projetos e ações sociais em prol do câncer infantil e juvenil, entre elas a capacitação de agentes de saúde em 14 estados brasileiros mais o Distrito Federal.

Evasão – Além disso, é preciso ressaltar que os cuidados durante todo o tratamento são essenciais. Isso inclui as participações das instituições que acolhem crianças e adolescentes em tratamento, pois oferecem conforto e carinho – remédios essenciais para a cura. Também é fundamental evitar a evasão de tratamento. “Existia uma taxa grande de crianças que vinham de cidades distantes que abandonavam o tratamento. As Casas Ronald McDonald oferecem gratuitamente hospedagem, alimentação, transporte e suporte psicossocial para os jovens pacientes e seus acompanhantes, evitando que interrompam o tratamento”, explica o superintendente.

Mesmo com todos os frutos colhidos e todos os assistidos em 17 anos de causa, a luta contra o câncer infantil e juvenil é constante. A missão se renova a cada ano e é preciso diminuir o índice de mortalidade de crianças e adolescentes em decorrência do câncer, além de ser necessário que haja mais conforto, hospitalidade e humanização no tratamento desses pacientes mirins.

Apesar de 2015 ter sido um ano bem difícil para quase todos os setores da economia, o Instituto Ronald McDonald conquistou alguns marcos importantes. Ao longo deste ano foram apoiados 117 projetos em todo o país, os programas que estão contemplados nesses projetos e que assistiram obras em todo o país são: Programa Diagnóstico Precoce, Atenção Integral, Casa Ronald McDonald e Espaço Família Ronald McDonald. Além disso, foram iniciadas as obras de construção de mais duas unidades, uma em Itaquera, na zona leste da capital paulista e outra em Barretos, um importante polo de tratamento no interior do estado de São Paulo.

O Instituto Ronald McDonald é sempre transparente na destinação de recursos para as instituições com as quais trabalha. A destinação correta dos recursos encontra-se nos relatórios anuais de atividades, disponíveis no site do Instituto Ronald McDonald.


Instituições cadastradas no Instituto Ronald McDonald