Os cuidados e benefícios de aproveitar o sol do inverno

Os cuidados e benefícios de aproveitar o sol do inverno

Todo mundo gosta de aproveitar o sol. No verão é na piscina, na praia, na cachoeira… Já nos meses de inverno, dá aquela vontade gostosa de curtir o dia, desfrutar do sol para se esquentar.


Junho, julho e agosto são os meses mais frios do ano e também época de férias. Já setembro é o iniciozinho da primavera. O que eles têm comum? São meses em que o sol é uma delicia! Todas essas qualidades combinadas fazem as pessoas saírem mais de casa durante o dia. Infelizmente, o friozinho dá a falsa sensação que de estamos longe dos riscos da radiação solar, mas não é bem assim.

“Moro num país tropical e bonito por natureza”

Como já dizia a música de Jorge Ben, o Brasil é um país tropical, o que significa que, mesmo nas épocas mais frias, o sol continua muito presente, assim como as altas temperaturas.

É por isso que os cuidados com o sol nunca podem ficar de lado. Pequenas mudanças na rotina te protegem e te deixam curtir bastante esse clima gostoso de outono/inverno (e porque não de primavera?).

Use diariamente o protetor solar

Não importa se está nublado, frio ou chovendo, o protetor solar é essencial. Os raios ultravioleta (UV) atravessam as nuvens e chegam até nós da mesma forma, mesmo que você não esteja vendo.

Atente-se às roupas

Na hora de aproveitar as ruas, as praças e os parques escolha as roupas certas. Use chapéus e tecidos de algodão, eles retém cerca de 90% dos raios UV. Além disso, óculos escuros ajudam na prevenção da catarata e outros problemas de visão.

Evite o período de 11h às 15h

Por mais que o sol pareça mais fraquinho agora, seus raios ainda são muito potentes. Procure aproveitar as manhãs, e evite os horários entre 11h e 15h, pois é quando os raios ultravioleta B, que são mais prejudiciais, estão atuando.

Proteja todos os seus membros

Às vezes, cometemos o erro de nos preocupar apenas com a proteção do rosto. Mas você sabia que a pele é o maior órgão do nosso organismo? Pois é! É preciso cuidar das partes mais sensíveis, como o rosto, mas também os braços, as costas, as pernas, principalmente, quando estamos somos expostos ao sol por um longo período.

Cuidados redobrados

Crianças e pacientes com câncer precisam ter duas vezes mais atenção com o sol. Crianças desidratam com mais facilidade, além de terem a pele mais sensível. Já os pacientes com câncer passam por tratamentos que afetam todo o organismo, e pode gerar efeitos colaterais se agravam com o abuso do sol.

Pode acontecer, por exemplo, coceiras e descamação da pele, causando desconfortos e riscos para o paciente. Converse com o médico e aproveite o sol com orientação.

O sol também cura!

Se cuidar não impede que você curta um belo dia de sol. Muito pelo contrário. O contato com a luz do solar pode renovar as energias e cuidar da sua saúde. Isso mesmo! São muitos os benefícios de aproveitá-lo com com cautela. Ele é fonte de vitamina D e ajuda a prevenir a depressão.

Viu só? É hora de curtir o dia lá fora!

Confira aqui outras dicas de bem-estar para pequenos com câncer.

Comentários: 0 / Compartilhar:

Você pode gostar também de …

Publicar comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com um * são obrigatórios.