Depois do McDia Feliz: motivo para continuar acreditando!

Depois do McDia Feliz: motivo para continuar acreditando!

A vida é tão rápida que, às vezes, a gente passa por coisas incríveis, que nos marcam de verdade, mas depois acabamos atropelados pelo tempo e nunca mais voltamos a pensar sobre elas.

O McDia Feliz foi assim pra mim.

Há alguns anos, eu fui com meus filhos ao McDonald’s, justamente no último sábado de agosto. Naquele dia, fiquei impressionada com o trabalho desenvolvido pelo Instituto Ronald McDonald com as crianças e adolescentes com câncer.

Eu lembro que fui abordada por uma voluntária de um dos projetos apoiados pelo Instituto que era muito simpática, ela me falou tantos dados incríveis que eu não conseguia pensar em outra coisa. Afirmei: Claro! Vou pra em casa e fazer minha doação para ajudar o máximo que eu puder.

Ao chegar em casa, os meninos tinham que tomar banho, era aniversário da mamãe, uma loucura! Esqueci. Durante muito tempo acabei só contando para as pessoas minha experiência no McDia Feliz e incentivando-as a participarem.

Até o dia que tudo mudou!

Hoje, minha vida é completamente cruzada com a do Instituto e me fez conhecer a Patrícia, mãe da Taíssa, que também tem uma história muito parecida com a minha.

A Patrícia Souza me contou que ela e o marido já haviam participado do McDia Feliz, mas que não acreditavam muito em tudo aquilo que ouviam.

De um jeito muito doloroso, Patrícia descobriu que essa “pequena contribuição” mudou a vida dela e de outras milhares de famílias por todo o Brasil.

Em agosto de 2017, a irmã de Patrícia recebeu tickets antecipados da empresa que trabalha, muito parecido com a ação que a São Carlos Saúde Oncológica fez com seus colaboradores. Ela acabou oferecendo para Patrícia, que aceitou levar a pequena Taíssa para um passeio bem saboroso.

Um mês depois, o mundo de Patrícia deu uma reviravolta, e o Instituto Ronald McDonald passou a integrar a sua vida por meio do GRAACC (Grupo de Apoio ao Adolescente e Criança com Câncer).

Taíssa, de 2 anos, foi diagnosticada com leucemia, um câncer que afeta os tecidos formadores de sangue. Foi então que a família experimentou na própria história o reflexo daquele ticket.

“Quando eu cheguei aqui no GRAACC e passei a usufruir de todo o suporte necessário para enfrentar a doença da minha filha, eu me arrependi de todas as vezes que eu duvidei. A equipe do GRAACC, o Espaço da Família Ronald McDonald e a Brinquedoteca cuidam e ensinam à minha filha e à minha família todos os dias.”

— contou Patrícia Souza.

Taíssa é uma das 3 milhões de crianças e adolescentes beneficiadas pelo Instituto Ronald McDonald através do McDia Feliz. Em 1993, a instituição que funcionava em uma casinha foi escolhida para receber verbas do McDia Feliz. Foram os primeiros passos rumo ao status de referência em atendimento oncológico da América Latina.

O GRAACC é uma das dezenas de instituições apoiadas pelo McDia Feliz e, há mais de 20 anos, conta com esse apoio para mudar a realidade do tratamento das crianças e adolescentes com câncer.

O McDia Feliz é um dos grandes momentos da nossa rotina, mas durante todo o resto do ano é preciso força e esperança para continuar o trabalho de mobilização e luta.

Seja um doador recorrente e ajude a construir essa história todos os dias!

Comentários: 0 / Compartilhar:

Você pode gostar também de …

Publicar comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com um * são obrigatórios.