Dia do Médico: conhecimento, cuidado e dedicação à serviço do próximo

Dia do Médico: conhecimento, cuidado e dedicação à serviço do próximo

Ninguém quer ficar doente, mas às vezes não tem como fugir e é preciso encarar de frente o que nos faz mal. Quem já passou por um longo tratamento sabe como o papel do médico é importante neste momento, não só porque ele define e acompanha o tratamento, mas porque acaba se tornando um grande amigo. Muitas vezes, é o único que entende o momento de dor e sofrimento.


O Dia do Médico é celebrado em 18 de outubro. A data foi escolhida em homenagem a um personagem cristão, São Lucas, que dedicou parte da sua vida a cuidar de outras pessoas.

No hospital, são muitos os profissionais que se dedicam integralmente ao cuidado das pessoas. Ao lado dos médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e psicólogos unem esforços para encontrar a melhor solução e levá-la até cada paciente.

Quando pensamos em médicos, normalmente nos vem à cabeça aqueles hospitais super tecnológicos com vários equipamentos sofisticados. E, de fato, ano após ano, os avanços da medicina proporcionam melhores condições de combate às enfermidades.

A própria realidade do câncer infantojuvenil colhe os frutos desse avanço.

Nos anos 90, as chances da cura do câncer infantojuvenil eram de apenas 15%, atualmente essa média é de 64%, podendo chegar a 85%, quando diagnosticado precocemente e tratado adequadamente. Os avanços da medicina tem, em grande parte, mérito pela conquista, já que auxilia o diagnóstico precoce e o tratamento efetivo dos pacientes.

O Dr. Sergio Petrilli, médico cofundador e mentor do GRAACC, falou em entrevista para o blog do Instituto Ronald McDonald como o aparato tecnológico transforma o rumo de tantos futuros.

“Trabalhar com a capacidade de mudar a vida de uma criança, fazendo ela enxergar novamente, por exemplo, é muito gratificante. Muitas vezes basta uma ferramenta ou um procedimento simples, mas que precisa estar ao alcance de todos. A medicina de ponta que o GRAACC adquiriu foi o resultado da força de toda a sociedade olhando para o lado certo.”

Os bons resultados na medicina são frutos da união entre o coração do profissional, o conhecimento e a tecnologia. A enfermeira clínica do GRAACC, Adriane Leanez, convive diariamente com todos os setores e profissionais do hospital e comentou sobre a dedicação de cada um:

“Se você escolheu trabalhar com crianças e pessoas, você precisa gostar delas. Para estar aqui todos os dias é preciso sentir algo muito forte, sentir o coração pulsar de verdade. Além disso, buscar o conhecimento através da leitura, se aprofundar para que você possa trazer o melhor para o paciente, o seu melhor.”

Neste Dia do Médico, em 18 de outubro, além de parabenizar os médicos e seus esforços profissionais, vamos nos unir e vislumbrar novos horizontes para uma medicina que atenda a todos e todas.

Quer conhecer o trabalho de médicos que lidam com crianças e adolescentes com câncer? Leia esta história no nosso blog.

Comentários: 0 / Compartilhar: Tags:

Você pode gostar também de …

Publicar comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos marcados com um * são obrigatórios.